Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Rumo ao Minimalismo

A minha viagem ao minimalismo, desperdício zero e vegetarianismo - Estou quase, quase lá!

Rumo ao Minimalismo

A minha viagem ao minimalismo, desperdício zero e vegetarianismo - Estou quase, quase lá!

10.10.18

Continuo a preferir o meu carro velhinho.

Rita (porque minimalistas há muitas)

car-2370619_640.jpg

 

 

Depois de vos ter dito aqui que tivémos de comprar um carro novo, porque fomos enganados numa compra em 2ª mão, esperámos dois meses por ele. 

Durante os dois meses, andámos para trás e para a frente com o meu velhinho, coitadinho que já não fazia viagens de 100 km's há anos. 

 

Depois, o carro chegou.

 

Chegou, e aqui a je quis logo experimentar, óbvio. Mas e a preocupação de:

 

Raspar em algum lado?

Partir um espelho?

Empenar uma jante?

Não entrar no carro sem dar uma voltinha ao veículo para me certificar que está tudo bem?

Sair do carro e dar uma voltinha ao veículo para me certificar que está tudo bem?

Lavar e limpar o "menino" porque é novo e porque tem de estar a brilhar?

Manter o cheirinho a novo e evitar odores?

Mexer com cuidado no manípulo das mudanças e no volante para não deixar marcas de unhas e de bijuteria?

Não levar a chave à porta para não deixar outras marcas?

Ter cuidado com os pés a entrar e a sair para não deixar marcas?

Pensar duas vezes antes de colocar combustível - não vá eu enganar-me nem o diabo tecê-las?

Sair do carro antes de o desligar para ter a certeza que deixámos todas as distâncias conforme deve ser?

 

Arre, que prefiro o velhinho.